No segundo domingo de maio é comemorado o Dia das Mães, que são homenageadas todos os dias nos sites de pornografia graças a categoria “MILF” (Mother I’d like to Fuck – ou em tradução livre “Mamãe com quem eu gostaria de trepar”). É claro que quando adolescente e jovem adulto sempre há uma “mamãe de amigo” que ajuda na evolução de sua masturbação. Depois que a idade avança surgem ainda muito mais MILFs como as colegas do trabalho e suas próprias amigas pessoais da época da faculdade, por exemplo, que se tornaram mães.

Origem do termo MILF
O termo MILF por ter sido criado no início da década de 90, dentro dos primeiros sites pornográficos, abreviando títulos e formalizando o termo como uma tag para uma personagem de filme pornô cobiçada pelos amigos do filho adolescente. é uma das categorias mais acessadas do Pornhub, em 2017 esteve no Top 3 e numa análise dos últimos 10 anos é Top 2 só atrás da categoria “amador”. Como dito neste Phodcast as MILFs tem a idade limite de 40 anos.

Mamães gostosas na cultura pop
Para quem viveu a puberdade os anos 90, mais especificamente as séries de TV nos anos 90, sabe que a personagem Peggy da série ‘Married With Children’ (Um Amor de Família) fazia a cabeça dos adolescentes até mais que sua filha Kelly. Ela foi interpretada pela atriz americana Katey Sagal que, recentemente, fez o papel da matriarca cougar de personalidade forte Gemma Teller da série ‘Sons Of Anarchy’.

A cantora Fergie fez uma música e produziu um clipe repleto de MILFs – incluindo ela mesma – quando atingiu a plenitude de seus 40 anos:

O filme ‘American Pie – A primeira vez é inesquecível’ de 1999 trabalhou o tema “mamãe gostosa” colocando um adolescente tarado por mulheres maduras tendo relações sexuais com a de um de seus amigos, quem assistiu o filme sabe que a “a mãe do Stifler é uma MILF gostosa!” – Janine Stifler (interpretada pela atriz Jennifer Coolidge).

“The Milf Show” é um canal no YouTube de uma MILF venezuelana que tem cerca de 420 mil inscritos:

Sites de mães que transam
Por ser uma categoria muito requisitada, diversas produtoras produzem conteúdos de mães transando com amigos de seus filhos, com os próprios filhos e filhas e saindo do incesto com qualquer outra variação que dê enredo pornô. Geralmente as MILFs são realmente mulheres maduras que vão para cima dos mais jovens para ensinar como transar melhor, então é possível ver que o termo “mom” também está atrelado ao “teach” (ensina) nas buscas de sites adultos. Para não ir direto ao incesto as produtoras burlam o enredo incluindo “steps”, ou seja, filhos ou filhas adotivas, não de mesmo sangue.

My Friend’s Hot Mom

Moms Teach Sex




Mães em desenho animado
A tara por mães também se estende para as famosas mamães dos desenhos, clique aqui e confira quem são as personagens que dão mais tesão em quem tem este fetiche. A tara mundial pela Marge Simpson é tão grande que ela chegou a posar nua para a Revista Playboy americana em 2009 e sensualizando como “dona de casa” na MAXIM em 2004:

Mães no Japão
Qualquer fetiche no Japão é elevado a níveis extremos da tara, é o caso das “mães”, muitas vezes “donas de casa” submissas aos homens de sua família – enredo bastante retratado em hentais – como no caso do hentai ‘Taboo Charming Mother’:

No Japão o pornô também é utilizado para sacanear a gameficação, existem “Game Shows” com diversos temas e fetiches, este abaixo é um programa completo todo focado em “mães” e “filhos”:

Mãe escrava sexual: não é só no Japão que este tipo de enredo acontece, no pornô mainstream ocidental as histórias mostram “mães” sendo hipnotizadas por seus rebentos para satisfazerem seus fetiches, vídeos:

Atrizes pornôs MILF
Aqui no Sweetlicious já fizemos diversas listas com as atrizes pornôs “mamães”, confira:

Clique aqui para visualizar todos os conteúdos.

A atriz capa deste post é , personagem principal de diversas cenas na qual ela representa o papel de “mãe”. Esta cena abaixo é uma produção da produtora onde Cory contracena com o ator :

Cory Chase tem 37 anos, é natural de New Jersey nos Estados Unidos e está na pornografia desde 2009. Ela já gravou em toda sua carreira, até o momento, 170 cenas, dentre elas 5 para a série ‘Moms Bang Teens’ (17, 19, 20, 22 e 24) e ‘Mother-Daughter Exchange Club (48, 49 e 51). Assista outras cenas de Cory Chase:

Vídeos de mães transando

Clique aqui e confira todos os fetiches abordados até o momento na série Fetiche.

Quer falar mais sobre este fetiche? Você deseja ver algum fetiche por aqui? Deixe seu comentário.